01 novembro 2013

WhatsApp com Ana Clara


2k13

Me permiti utilizar certa licença poética.

"(...) É um porre você vestir o uniforme do sistema e ir trabalhar que nem um robô para garantir seu sustento. Na verdade nosso kit de sobrevivência.
Então, quando me formar pretendo participar de alguns projetos, de início sem fim lucrativo, só por hobby, sabe como é? Se der certo, que bom, ganharei dinheiro trabalhando com o que gosto, se não der, tudo bem, ainda é um hobby.
Atualmente trabalho com algo que não dá para mudar o mundo.
Então se não estamos curtindo essa corporatividade toda, o que podemos fazer?
O que o ser humano faz desde o início dos tempos. Podemos adaptar o ambiente para torná-lo agradável. Eu, por exemplo, pretendo fazer uma pós em algo fora da minha área e tentar algo onde realmente possa evoluir profissionalmente.
Pensa em um analista de sistemas com conhecimento específico também na área de humanas?
Não vou ganhar o mundo, mas com certeza não serei mais um a ficar preso em frente a uma tela até dar a hora de ir embora e assistir novela e dormir e trabalhar.
Quero ser uma mudança, que não seja no mundo, mas pelo menos na vida dos alguéns que eu passar.
E a questão do relacionamento pra mim se torna mais difícil, porque eu quero alguém que cresça comigo, que aprenda e ao mesmo tempo que me ensine.

Tô cansado de mulheres âncora.
Quero nadar até o topo, seja ele onde for.
Vamos deixar algo significante na vida, né?
Viver só por viver é que não pode."

Gardenal Sem Fronteiras

Um comentário:

cariocacronico disse...

Mudar o mundo é hard! Mas acho que da pra ter mudar um pouco nós mesmos...

Se apropriar do nosso trabalho parece ser um desafio para todos nós desde as revolução industrial...

A imagem que vc postou é foda! kkkkk